domingo, 23 de julho de 2017

Delator confirma o que a blogosfera dizia: jatinho era de Campos



A Veja desta semana chega perto, mas não revela inteira, a verdade que todos já sabem, menos os inquéritos policiais: o jato que matou Eduardo Campos e abriu as portas para a segunda candidatura de Marina Silva foi comprado pelo próprio, através de seu testa-de-ferro Aldo Guedes Álvaro.

Toda a imprensa sabe, aliás desde que ficou claro que Eduardo Campos aprovou pessoalmente  a comprado avião, ainda em 2014, logo após o acidente.

O processo se arrasta no Supremo, desde 2015.

O “aluguel” do jatinho não só era uma fachada como, saindo das contas oficiais de campanha, representava uma lavagem de dinheiro inquestionável.

Estranha a situação de Marina Silva, desde o resultado das eleições gritando histericamente pela anulação da eleição com base nas fraudes que diz-se ter ocorrido na chapa Dilma-Temer.

Se as contas do candidato a presidente e as do vice são inseparáveis, como decidiu o TSE e defendeu sempre a Rede, as contas da chapa Eduardo campos-Marina Silva, parte integrante de sua campanha, também as devem condenar, porque ela usou o bem fraudado em seus deslocamentos eleitorais.

A “nova política”, os moralistas que apontam o dedo para as mazelas de um sistema político-eleitoral desde sempre sustentado pelo dinheiro das empresas são isso que agora fica claro: cínicos e hipócritas.

*Por Fernando Brito, jornalista. No Tijolaço

sábado, 22 de julho de 2017

Deputado Estadual Nelsinho Metalúrgico esteve visitando Santiago e Região

Reunião com o Prefeito Tiago, em Santiago
Da Redação*

O Deputado Estadual Nelsinho Metalúrgico (PT/RS) esteve visitando Santiago e Região na última quarta-feira, 19/07, realizando uma série de atividades, dentre as quais reuniões com autoridades, correligionários, lideranças comunitárias, sindicais e visitas à imprensa local. Antes da estada em Santiago, Nelsinho Metalúrgico cumpriu longa agenda na Região (Salto do Jacuí, Panambi, Santo Ângelo, São Borja e Itacurubi).

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sentadas e área interna
Com a Presidenta do PT de Santiago, Iara Castiel

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas em pé
Com o ambulante senegalês Aliou Badara Gningue


A imagem pode conter: 8 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé, pessoas sentadas e área interna
Com lideranças dos Policiais Civis (Ugeirm)

Dentre outras atividades que teve em Santiago, destaques para  a reunião com a Executiva Municipal do PT (liderada pela presidenta Iara Castiel)  e, na sequência, a  reunião com o prefeito municipal Tiago Gorski e secretários, oportunidade em que Nelsinho Metalúrgico (que é também Presidente da Frente Parlamentar de Acompanhamento e Solidariedade a Imigrantes e Refugiados da Assembleia Legislativa) colocou sua  preocupação com a situação dos imigrantes e refugiados no RS, sobretudo os senegaleses e haitianos, que em alguns municípios são vítimas de intolerância e preconceito.  

Estiveram também participando da reunião com o Prefeito o ex-vereador petista Sérgio Marion (que articulou a agenda) e o Advogado e Assessor Parlamentar Júlio Garcia, também integrante da Executiva Municipal do PT. O deputado Nelsinho fez um apelo e colocou-se à disposição das autoridades locais para colaborar para que tais fatos não aconteçam em Santiago e região, tendo sido então relatada pelo prefeito as providências tomadas para garantir o direito ao trabalho, dignidade e segurança não só dos senegaleses, mas também dos demais trabalhadores ambulantes que na cidade buscaram abrigo para  trabalhar e viver com dignidade.

Itacurubi

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e atividades ao ar livre

A imagem pode conter: 6 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé

No município de Itacurubi, onde esteve pela manhã, o Deputado Nelsinho Metalúrgico participou de reunião com o prefeito José Grosso (PT), vice prefeito Leandro Rocha e secretários. Também estiveram presentes na reunião o advogado Júlio Garcia, representante do mandato do Deputado Federal Marco Maia (PT) na Região e o ex-vereador Sérgio Marion, do PT santiaguense. Após a reunião foi realizada visita às obras do Centro Administrativo Municipal. (fotos)

São Vicente do Sul




Ainda na quarta-feira (19/07), o deputado Nelsinho Metalúrgico, que também preside a Frente Parlamentar em Defesa dos Institutos Federais de Educação do RS, esteve em São Vicente do Sul, acompanhado do vereador Joel Marques (do PT, que articulou a agenda) visitando o campus do Instituto Federal Farroupilha (fotos), quando foi recebido pelo vice diretor João Flavio Carvalho, que junto com alunos de outros 11 campus e estudantes de Portugal, apresentou ao deputado toda a infraestrutura do IFF.

O campus de São Vicente do Sul possui mais de 1800 alunos, 70% deles tem uma renda familiar de até 1,5 salário mínimo, 15% são beneficiados por programas sociais do governo federal. “Infelizmente, estes jovens estão tendo seu futuro roubado pelo governo Temer, que está cortando recursos da educação, o que pode levar até ao fechamento dos institutos federais e isto não podemos permitir”, frisou o deputado.

Através da chamada ´PEC dos Gastos´, o governo federal congelou pro 20 anos investimentos nas áreas sociais, incluindo a educação. “Fruto desta política de desmonte da educação pública, no orçamento previsto em lei para este ano, já foi feita a redução de 10% na verba de custeio e de 30% do total na verba de investimentos nos Institutos Federais de Educação”, afirma o presidente da Frente Parlamentar em Defesa dos Institutos Federais do RS.

Reunião com os Municipários



O deputado Nelsinho Metalúrgico, na sequência,  reuniu-se na casa do vereador Joel Marques com representantes do Sindicato dos Municipários de São Vicente do Sul (foto acima). Entre as presenças, estavam o presidente do sindicato Odilon Flores e a vice Francine Alves Lutz Werner. Na conversa, abordaram sobre as reformas trabalhista e previdenciária, assim como conjuntura nacional e estadual.

*Da Redação do Blog 'O Boqueirão Online', com a Assessoria de Imprensa do Deputado Nelsinho Metalúrgico. Crédito das fotos: Du Dorneles

"Se o Temer tivesse um mínimo de compromisso com o povo, ele renunciaria", diz Lula


Ex-presidente discursou em manifestação convocada pela Frente Brasil Popular e Povo Sem Medo - Créditos: Mídia Ninja

Em ato realizado em São Paulo (SP), ex-presidente voltou a defender eleições diretas e criticou a reforma trabalhista

CLIQUE AQUI para ler a postagem (via Brasil de Fato)

Deputado Paulo Pimenta visitou Santiago e Região




Santiago/RS - Nesta última quarta-feira, 19, o Deputado Federal Paulo Pimenta (PT/RS)  esteve presente na cidade de Santiago. O deputado visitou a sede do jornal A Folha e a quadra de esportes do bairro da Vila Rica, a qual destinou verbas para sua construção. Também participou de uma plenária na Câmara de Vereadores de Santiago sobre a conjuntura política atual do país, juntamente com o Deputado Estadual Valdeci Oliveira (PT), a presidenta do PT de Santiago, Iara Castiel, lideranças petistas da região e a comunidade santiaguense. A agenda do deputado se encerrou na cidade com uma confraternização juntamente com a Associação de Piscicultores local, que receberam verbas para a construção do pavilhão da piscicultura.

Paulo Pimenta esteve visitando toda a região central, passando por São Vicente do Sul, Itacurubi, Santiago e se estendendo até São Borja, levando a discussão e mobilização dos militantes partidários.

*Por Thaisy Guarda Finamor, Acadêmica de Jornalismo da UNIPAMPA/São Borja/RS
...
Leia mais: 

quinta-feira, 20 de julho de 2017

ANO DE PERDAS - Marco Aurélio Garcia, articulador da política externa 'ativa e altiva', morre de infarto Ex-assessor especial da Presidência foi um dos principais responsáveis pela política externa dos governos Lula e Dilma, um dos idealizadores do Brics e militante da integração latino-americana



São Paulo – RBA - O ex-assessor especial da Presidência da República Marco Aurélio Garcia, 76, morreu hoje (20), vítima de infarto. Garcia foi um dos principais articuladores da política externa do país durante os governos de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, que deu mais protagonismo ao Brasil perante o comércio e a política internacional.

Garcia foi também um dos articuladores dos Brics, grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, que fortaleceu a atuação desses países perante o bloco dos países do hemisfério norte. Atuando em parceria com Celso Amorim, foi um dos responsáveis pela política externa que ficou conhecida "como altiva e ativa".

Professor da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e militante socialista, Garcia ajudou a formar gerações de ativistas, estudantes e gestores públicos. Foi secretário de Cultura nas prefeituras de Campinas e de São Paulo.

Em sua última entrevista à RBA, em 20 de maio, Garcia afirmou que o golpe parlamentar que derrubou Dilma Rosseff em 2016 chegava a uma situação de vulnerabilidade em função das denúncias de Joesley Batista, do grupo JBS, contra o presidente Michel Temer.

“Eles estão hoje confrontados com a necessidade de fazer uma mudança – e essa mudança se torna mais dramática no momento em que a cabeça do governo, o comandante, ainda que seja um comandante medíocre, é atingida por esse episódio (das denúncias contra Temer)”, afirmou na época.

"Hoje é um dia de dor para todos nós, que compartilhamos com ele seus muitos sonhos, histórias e lutas. Era um amigo querido, de humor fino e contagiante, sempre generoso e cheio de ideias, dono de uma mente arguta e brilhante", postou Dilma em sua rede social.

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) afirmou que MAG, como era chamado, era uma "pessoa legal, divertida que vai fazer muita falta no PT". "É muito triste iniciar nossa conversa com essa notícia", disse, durante conferência transmitida ao vivo.

"É uma tristeza. Dificilmente alguém pode escrever a história da América Latina sem falar dele. Foi um dos arquitetos da integração latino-americana e da relação política sul-sul. Muitos países que eu visitei, não conheciam nosso chanceler mas conheciam ele", afirmou o deputado Paulo Teixeira (PT-SP), ao lado do senador Lindbergh Farias (PT-RJ), que completou: "Não teríamos política externa ativa e altiva sem ele. As elites sempre foram subordinadas e colonizadas".

O também senador Jorge Viana (PT-AC) destaca o Garcia como "intelectual e militante apaixonado pela política, perseverante sonhador desde a juventude". "Sempre foi uma referência dentro do PT e um gigante no campo das ideias. Um democrata respeitado em todo o mundo."

Segundo informações do coletivo Jornalistas Livres, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva reagiu à notícia da morte de um de seus mais importantes conselheiros "com cinco longos minutos de silêncio". Lula almoçava na casa do jornalista José Trajano depois de ter participado da entrevista em seu canal no YouTube

Ainda ontem, Lula esteve no velório do ex-líder sindical bancário Augusto Campos. Recentemente, o ex-presidente perdeu a mulher Marisa Letícia Lula da Silva, morta em 3 de fevereiro. No último dia 12 de maio, lamentou ainda a morte do professor e escritor Antonio Candido, um dos importantes auxiliares de Lula ao longo da formação do PT.

*Via RBA

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Bloqueio de bens de Lula prova….que ele não enriqueceu. Veja os valores.



 bloqueio dos bens do ex-presidente Lula, explorado com tanto estardalhaço pela imprensa de direita, com orgasmos de prazer cínico (duvido que qualquer de seus editores tenha menos do que Lula, que aos 71 anos de idade tem mesmo é de conservar um guardado) deveria servir para fazer jornalismo, mesmo.

Por exemplo, comparar o que foi localizado em propriedades e depósitos de Lula com o que ele tinha, ao candidatar-se a Presidente 15 anos atrás.

Os quatro imóveis que tem são os mesmos que tinha com Marisa (aquele em que mora e dois outros, de 72 metros quadrados, no Edifício Kentucky, na Avenida Getúlio Vargas, São Bernardo. Olhei na internet e vi um igual, no mesmo prédio, para vender: R$ 370 mil. Além do terreno em Riacho Grande, onde fica o sítio Los Fubangos, ao qual passou a ir menos há alguns anos, segundo a Folha porque a segurança presidencial assim recomendou, depois que dois de seus cães foram mortos a facadas.

Você olha a casa desta turma, os ladrões públicos ou estas celebridades da TV que querem ser presidente  e sente que Lula, ainda que o triplex fosse dele, nem aos pés chegava….

E o dinheiro, os R$ 606 mil?

Bem, Lula tinha aplicações em poupança que somavam R$ 118 mil, aproximadamente, discriminadas na declaração de bens que apresentou em julho de 2002, 15 anos atrás.

Na aplicação mais mixuruca, a Caderneta de Poupança, isso daria hoje cerca de 400 mil. Num fundo qualquer, perto de R$ 650 ou r$700 mil. Pela taxa Selic, que é a que os bancos ganham do Governo, daria cerca de R$ 800 mil.

Portanto, R$ 606 mil para quem partiu, 15 anos atrás, de valores que pela poupança, equivalem a R$ 370 mil significa, nestes 180 meses, depositar R$ 600 ou 700 por mês na caderneta.

Vá enriquecer mal lá em Maricá, Lula!

PS. Aí abaixo vão as declarações de bens de Lula em 2002 e 2006. Quanto ao “sedã de luxo” ANO 2010, só dando risada. Tem um Mercedes Classe C para vender no mercado livre, lindão, 30 mil km, por R$ 52 mil. Com 45 mil, sem trocadilho, leva na hora. Ou junta um pouco mais e compra um Fiesta 1.6, zero. (...)

*Por Fernando Brito in Tijolaço

Deputado Paulo Pimenta (PT/RS) participa de debate em Santiago nesta quarta-feira


A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, texto

*Deputado Federal Paulo Pimenta, do PT/RS, estará hoje em Santiago/RS